O projeto é desenvolvido desde 2011 e está na nona edição

A manhã deste sábado, 23, foi de muito trabalho para a equipe da Femarh (Fundação Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) e voluntários que somaram forças em mais uma edição do projeto “Amigos do Rio”. A ação fechou uma semana de programações em prol do Dia Mundial da Água, celebrado em 22 de março.
Desenvolvido pela Femarh desde o ano de 2011, essa edição do projeto contou com o apoio dos colaboradores da Fundação, voluntários e esportistas praticantes de stand up paddle e caiaque, que percorreram as margens do rio Cauamé em um percurso de cerca de três quilômetros.
“Saímos da ponte da praia do Cauamé e fizemos o percurso até a praia do Curupira onde recepcionamos os colaboradores com um grande lanche de confraternização em agradecimento pelo trabalho realizado”, disse a chefe da Divisão de Educação Ambiental da Femarh, Carolina Rodrigues.
Este ano o projeto teve um diferencial, contou com a participação de oito municípios, entre os quais, Rorainópolis, Iracema, Bonfim, Amajari, Cantá, Caroebe, Normandia e São Luiz do Anauá, que de forma simultânea realizaram as ações nas localidades e com a ajuda de voluntários recolheram o lixo às margens dos rios e igarapés.
Para a voluntária Rose Guimarães, que participa da ação desde o início do projeto, encontrar materiais biodegradáveis em meio à coleta dos resíduos sólidos é um avanço.
“Você recolher um prato descartável em meio ao lixo e ele praticamente se desfazer mostra que as tecnologias estão avançando na produção de materiais menos ofensivos ao nosso meio ambiente, o que não retira a necessidade da consciência ambiental de não deixar e nem jogar lixo nas praias”, disse.
Para a pesquisadora e educadora ambiental Marilda Bezerra, as pessoas têm estado mais conscientes. “Com o passar dos anos, percebemos que tem melhorado consideravelmente; as pessoas estão mais conscientizadas em relação à questão do meio ambiente e o lixo, a conservação e a importância da preservação”, destacou.

AMIGOS DO RIO – O projeto desenvolvido pela Femarh desde o ano de 2011 está na sua 9ª edição. Já foi realizado também no município de Amajari, especificamente na Serra do Tepequém, e no município de Normandia. Neste ano de 2019, foi ampliado e contou com o apoio e participação de oito municípios do Estado, Rorainópolis, Iracema, Bonfim, Amajari, Cantá, Caroebe, Normandia e São Luiz do Anauá.

DIA MUNDIAL DA ÁGUA - O Dia Mundial da Água foi criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) no dia 22 de março de 1992. Este dia, a cada ano, é destinado à discussão sobre os diversos temas relacionados a este importante bem natural. No dia 22 de março de 1992, a ONU também divulgou um importante documento: a “Declaração Universal dos Direitos da Água”, que apresenta uma série de medidas, sugestões e informações que servem para despertar a consciência ecológica da população e dos governantes para a questão da água.